top of page
AD.png

Seus Olhos e Todo Azul do Mar







"Foi assim como ver o mar, a primeira vez que meus olhos se viram no seu olhar..."

Não, não foi assim. A primeira vez que te vi, te achei arrogante, intransigente, duro, não particularmente atraente.


Te conheci naquela viagem, a última - depois daquela, parei de viajar. Te tratei da pior maneira possível, porque te percebi atraído por mim. Minha colega de viagem achou que eu era louca e esnobe, por não me aproveitar da situação.


Quanto mais eu te rejeitava, mais te derretias por mim. E eu deitava e rolava.


Até que aconteceu aquele beijo inesperado, roubado.


"Não tive a intenção de me apaixonar, mera distração e já era momento de se gostar..."

Com o passar dos dias, notei o quanto sensível eras. A postura inicial, profissional, era diferente da persona. Conquistaste-me nos poucos dias que restaram da viagem.


Ficamos juntinhois todas as noites, escondido dos outros, para que ninguém percebesse o que estava rolando. Ao amanhecer, era como se nada tivesse acontecido. Eu era eu, tu eras tu.


O fim da viagem se aproximava, e a angústia crescia sobre o futuro. O que vai ser na volta? - perguntava-me, sem coragem de te perguntar.


"Quando dei por mim, nem tentei fugir do visgo que me prendeu dentro do seu olhar..."

Sem saber como agir, fiquei quieta na volta. Sumiste por dias. Estes foram os piores que passei, depois de uma viagem que foi pura magia.


O que aconteceu? Fora tudo um sonho?


"Quando eu mergulhei no azul do mar, sabia que era amor e vinha para ficar..."

Senti-me perdida. Apaixonada. Como deixei acontecer em tão pouco tempo?


"Daria pra pintar todo azul do mar, dava pra encher o universo da vida que eu quis pra mim..."

O impacto dos poucos dias que permanecemos juntos foi um vislumbre do que eu queria viver adiante. Não elaborei muito, porque até então havia sido uma pessoa que sonhava muito para não dar em nada. Projetava minha vida nas paixonites que aconteceram, mas nada era real.


Até aconteceres.


"Tudo que eu fiz foi me confessar escravo do seu amor, livre para amar..."

Tive muitos relacionamentos antes. Sofri com todos, curtos ou longos. Acharam-me louca, por te convidar a morar junto, depois da viagem de 15 dias. Nunca agira daquela forma.


Contrariei amigos de longa data, até familiares. Acharam que era impulso que ia acabar mal, sem saberem o que existira entre nós.


"Quando eu mergulhei fundo nesse olhar, fui dona do mar azul, de todo azul do mar..."

Aquela viagem mudou o rumo da minha vida.


Aqui estamos, depois de 26 anos, ainda juntos. Muitos obstáculos superados, outros tantos ainda por vir. Altos e baixos, brigas e reconciliações, amor e ódio.


Mas o azul dos teus olhos ainda me mostram a escolha que fiz como certa. Mergulhei fundo neles, nadei na profundidade do teu olhar, e saí vitoriosa de ter te conquisado e me deixado conquistar.


Gattorno Giaquinto

#22: Litera + Musical

Posts Relacionados

Ver tudo

4 Kommentare


Mostrei😉

Gefällt mir
Antwort an

Ta difícil…

Gefällt mir

Mostra esse texto para os olhos azuis que lhe inspiraram 😉😉

Gefällt mir
bottom of page