top of page

Sem Muito Talento

Esportes? Eu!? Bom…Sabe a criança que fica vigiando a rua quando os outros vão pegar frutas no quintal do vizinho? A última a ser escolhida para qualquer time? Aquela que tem medo da bola e morre de vergonha por demonstrar esse medo? 


Eu era muito, muito tímida. Muito quietinha. Desengonçada. Lenta. Reflexos ruins. Na queimada, a bola sempre achava as minhas costas. E doía! No futebol e no handebol, eu sempre me perdia nos lances. No vôlei, não acertava uma, e no basquete, eu era pequena e vagarosa demais. Enfim, um fracasso! A única coisa que me salvava era o atletismo. Individualmente, eu corria bem e saltava razoavelmente, para o meu tamanho. Mas eu arrasava mesmo era nas pesquisas e nos trabalhos escolares sobre aqueles mesmos esportes que eu não sabia jogar. Aprendia as regras e conseguia entender o que acontecia na quadra e no campo, enquanto a maioria das meninas nunca sabiam o que estava acontecendo. A teoria era o meu forte, mas a prática…


Só bem depois, quando me tornei adulta e mãe, vi o quanto eu tinha perdido por não ter procurado me envolver mais com as práticas esportivas, tanto pela questão da saúde, quanto pela oportunidade perdida de compartilhar momentos únicos com meus amigos. Paciência…


Quando meus filhos eram ainda pequenos, o médico nos aconselhou a natação. Eu sofria com a ansiedade, meu filho tinha escoliose e a caçula era bem agitada. Entramos todos na piscina. Eu nadava muito mal, mas amava estar na água. Pela primeira vez, não tinha vergonha de ser observada e meu baixo desempenho não me incomodava.


Acho que, enfim, encontrei meu esporte preferido, ainda que não o pratique mais com regularidade e nem tenha feito pesquisas sobre ele, como fazia na escola. Aliás, tudo o que sei sobre natação, aprendi dentro da piscina, entre braçadas desengonçadas e muito esforço. Apesar de gostar de nadar, eu nado muito, muito mal mesmo. Mas, ok. Ninguém precisa ser bom em tudo e eu já faço bem outras coisas. Então, tudo certo. Eu sei que esporte, com certeza, não é minha praia, embora a praia tenha ficado mais divertida depois de ter aprendido a nadar.


Quanto aos outros esportes, descobri que gosto mesmo é de torcer. Prefiro aproveitar a diversão do lado de fora do jogo...


Recent Posts

See All

3 Comments


Mas confesso que eu sempre tive uma certa inveja de quem era bom em esportes...

Like

Parece com a minha história de vida de atleta😉

Like

O importante é achar algo em que nos encaixemos, pra não desistir, né? 😉

Like
bottom of page