top of page

Um Dom por um Poema

Eu sonho toda noite

Que um dom eu tenho

Me sinto liberta, livre de todas as tormentas.


Nas noites mais frias não sinto frio

Nas noites mais quentes não sinto calor

Nas noites escuras tudo é tão nítido


Lá do alto eu vejo tudo tão perto

Me sinto livre, feliz, contente

Do topo dos galhos mais verdes


Dos ninhos das copas das árvores

Do alto das nuvens mais espessas

Eu vejo a cidade pequena


Meu Dom é voar

Me sinto tão pertencente

Ao espaço Sideral


Não chego tão alto e nem tão longe

Mas, posso voar bem distante

Tão plena me sinto no voo



A águia voando com montanhas com neve ao fundo
A águia

Recent Posts

See All

Comments


bottom of page