top of page

Adeus Ano Velho (2023), Feliz Ano Novo (2024)


Ano estressante, cheio de desafios. Aposentei, mas não parei de trabalhar. Loucura? Não, necessidade (financeira), vontade (de continuar na ativa), desejo (de manter contato com pessoas jovens e, assim, me manter jovem) e esperança (de não começar declínio mental e físico).


Decidi investir em criatividade no ano passado, e pretendo continuar assim neste ano. Fiz muito cursos (aquarela botânica, encadernação, desenho com grafite) que estavam na minha Bucket List. Vão deixar saudade, mas acenderam em mim um desejo forte de investir mais meu tempo (e dinheiro) em outros cursos.


Comecei a engatinhar na escrita criativa, participando de cursos (grátis) online, escrevendo quase diariamente em páginas matinais (obrigada, Júlia Cameron e seu livro "o caminho do artista"). Entrei nos desafios do  "é dia de escrever" (obrigada minha irmã, por me empurrar para este caminho sem volta). Escrevo sem medo de errar, sem medo de ser julgada e sem pretensões maiores, por enquanto. Sem a pressão de fazer disto um ganho financeiro, mas de por em papel sentimentos guardados, lembranças de uma vida vivida até agora, experiências passadas e aprendidas, por bem or por mal.


Que em 2024 o que foi despertado em 2023 continue com força total, este é o meu desejo. E o que quase me afundou em 2023 continue na lembrança, para eu não repetir. Afinal de contas, é vivendo que se aprende, não é mesmo?




 

Recent Posts

See All
bottom of page