top of page

Minha Boa Vida de Príncipe dos Gatos

Moonlight SilverStar

Nasci de uma linhagem de pedigree, chamada Chinchila. Minha mãe-gata entrou em trabalho de parto e meus tutores não sabiam de sua gravidez. O parto foi sofrido, tive um irmãozinho que nasceu e logo faleceu. Cerca de 12 horas após, minha mãe-gata estava esquisita e a levaram ao veterinário, que realizou uma cesariana que me trouxe a este mundo.


Fui paparicado por todos, por causa de minha personalidade dócil e beleza felina. Meus pelos branquíssimos e longos contrastavam com a cor dos meus olhos.


Um dia, curioso como eu era, saí pela porta que dava acesso ao quintal da casa, guardado  pelo meu irmão-cachorro Michelângelo - carinhosamente apelidado Micky, apesar de ser um enorme Great Dane. Como nunca havia saído da casa, me distraí com a grama fofinha. O Micky me assustou, e eu me escondi embaixo de um monte de grama, usado para fazer composto para o jardim. Fiquei por lá e somente saía à noite, escondido, para procurar comida.


Meus pais-tutores estavam desesperados, colocando minha foto pela vizinhança. Um dia, minha mãe-tutora me viu rapidamente, mas como achava que eu estava morto, ela pensou que eu era um fantasma! Meu pai-tutor foi investigar, e com uma estratégia para me fazer sair do meu esconderijo, finalmente fui achado.


Tive uma vida muito boa. Mas como nasci de parto complicado, morri subitamente, provavelmente do coração. Se estivesse vivo, teria conhecido os outros gatos que meus pais-tutores resgataram e criaram, com o mesmo amor que me dedicaram.


 

(algumas fotos de meus irmãos resgatados;todas as fotos do arquivo pessoal da minha mãe-tutora)


Gattorno Giaquinto

#48: Dia Mundial do Gato

Recent Posts

See All

4 Comments


Bob Wilson
Bob Wilson
Feb 20

História reaaaal?

Like
Replying to

Verdadeira mesmo. Tive que encolher o texto pra caber no número de caracteres…

Like

Ownnn...

Tão fofinhos...


Like
Replying to

Lindinhos, né?

Like
bottom of page