top of page

Em Jogo de Testes e Clima Quente, Subúrbio Geral Triunfa

Updated: May 16

20 de abril, São Paulo, Lapa. Dia de Subúrbio Geral!


Depois da incrível e desacreditada vitória do time na sua estreia na copa 7 (em seu primeiro campeonato) em cima do bem montado "Di Quarta" (leia aqui), o time voltou a campo no último sábado de ótimo clima para a prática do esporte mais amado do universo e emplacou a sua segunda vitória seguida.


23° graus fora das 4 linhas e muitas novidades para este jogo. Neste amistoso, segundo Vini de Oliveira, o Mister (comissão técnica):

"O time veio para este amistoso para dar rodagem ao pessoal do elenco, e testar novas posições".

Chegamos e estava rolando 50tão 0 X 1 Rubro Negro. O time da Vila Pompeia (50tão) estava nervoso, discutindo entre eles mas com a vantagem de que o goleiro adversário se machucou e não conseguiu retornar para segunda etapa. Ainda assim, perderam sem acertar 1 chute ao gol. Normal.


Começa o jogo do Subúrbio Geral e o time chega surpreendendo na escalação. A volta do atacante Samuel fazendo uma linha de 3 meio-ofensiva junto com os já conhecidos Matheus Calmon e Vini de Paula pela ponta esquerda. Trio funciona bem, conseguem pressionar a saída de bola adversária e as recomposições defensivas funcionam.


Um primeiro tempo de domínio do time Subúrbio Geral mas que em 2 vacilos, a bola do adversário entrou. Porém, o elenco do Subúrbio manteve a cabeça e soube continuar pressionando.


Junin (em seu primeiro jogo como titular) jogou a primeira etapa e foi uma das apostas da comissão técnica para o ataque, recuando Samuel para a meia e deixando com que ele (Samuel) e o Matheus fizessem o trabalho criativo ofensivo. Com uma movimentação ora se aproximando para triangular pelas beiradas, ora espaçando os zagueiros e apostando no "facão", Junin, participou de tabelas, por 2 vezes chegou perto de receber cara a cara com o goleiro em passes de Matheus (MEI) e Okada (LE), e incomodou os zagueiros adversários durante toda primeira etapa. Não foi o dia para desencantar mas demonstrou disposição e boa visão tática, por vezes chegando na comissão técnica e seus companheiros para ajustar o posicionamento defensivo no último terço (ofensivo) do campo.


A principal novidade do dia, a volta do atacante, Samuel, trouxe o que em outros jogos faltou ao time do Subúrbio Geral: Movimentação ofensiva e objetividade ao concluir. Samuel foi o craque da várzea convertendo os 2 primeiros gols (um lindo de falta e outro de arremate da cabeça direita da area adversaria) e sofrendo um pênalti convertido pelo ponta direita, Will (que entrou no segundo tempo e também foi o autor do 5° e ultimo gol no final do jogo).


Foto: Okada. Momento do Penâlti Sofrido


O terceiro gol sai de uma linda triangulação pela ponta direita onde após recém entrar em campo o atleta, Tao tabela e com um passe de primeira deixa Will livre para cruzar e encontrar o ponta esquerda, Riquelme (que entrou no segundo tempo) na cara do gol. Sem vergonha alguma, Riquelme, de bico, afunda as redes.

Se o clima estava ameno fora das 4 linhas, a partir do 3° gol o clima esquentou. Uma cotovelada (involuntária) do zagueiro do suburbio no ponta do time "Só de Virada", o pênalti (que existiu) a favor do esquadrão do Subúrbio Geral, e uma atitude ousada do goleiro do Subúrbio ( por uns criticada e por outros considerada "de jogo"), esquentaram a partida.


Na ordem, Faltando 30s para acabar: pênalti para Suburbio Geral. GOL (Will)



Último lance do jogo, goleiro do Suburbio recebe uma bola espirrada e decidi petecar a danada mostrando seus dotes de jogador de linha e coragem de meter o biruta desse em jogo de vázea, e aí irmão e irmã...tempo fechou! Dedo na cara, empurrão, treta em campo, o atleta Anderson Boqaa faz o paredão e segura o jogador mais bravo do time adversário que queria arrancar a cabeça do seu goleiro e, depois de alguns minutos, bola volta a rolar e, percebendo o abatimento do time adversário, Subúrbio Geral vai lá e mete mais um (Will).




Uma vitoria de virada em cima do bom time do "Só de Virada" por 5x2 e o Suburbio Geral após um início de ano cheio de empates e 1 derrota, aparenta ter se organizado e vem empolgando comissão técnica, jogadores e torcida (3 crianças e 2 idosos que acompanhavam o jogo e torciam pelo triunfo do time que desperta curiosidade ao amassar Geral sem mesmo ter um uniforme).


Próximo jogo dessa nova máquina de vencer será dia 08 de maio pela "Copa 7" contra o time do "Operários", no Campo Espada (Butantã).


 



 

Enquete do dia: Petecar a bola no fim do jogo quando se está com o jogo ganho, é muita sacanagem? Falta o respeito? Motivo pra dar na cara do cidadão ou quem sabe faz quem não sabe tem que aprender? Manda aí nos comentários

 

Serviço:


Texto: Bob Wilson

Fotografias: Okada

Campo de Jogo: Pelézão (SP - Lapa) Times e Resultado: Subúrbio Geral 5 x 2 Só de Virada

Juiz: J. Kennedy

Cervejas Pós Futebol: 6


Recent Posts

See All

Kommentare


bottom of page