top of page
AD.png

10 Dicas para Escrever um Conto com um Ponto de Mudança Radical

Atualizado: 17 de jun.

Heeey, Parceiras, Parceiros e Parceires!


Fiquei sabendo que o Desafio 365 Dias de Escrita propôs para esse fim de semana o desafio "Um Fim de Semana Muitcho Louco".





Mó onda esse desafio. Pelo nome até parece que vai ser legalzinho escrever mas ele tem um P*t@ B.O.


No meio do conto vocês escritores precisam incluir uma reviravolta que muda tudo. Mó Fita, Sisters & Brothers. Mas fiquem de boa que a Mamá Milly vai dar um "Help" para vocês.


Tô chegando com aquelas dicas boas igual bolo da vó sobre "Como Escrever um Conto com um Ponto de Mudança Radical".






Se liguem:


Primeira dica da Millyzinha aqui é, Planeje o Ponto de Mudança: Cria a história na sua cabeça, manas e maninhos. Enquanto pensa mil coisas vá descobrindo antecipadamente qual é o melhor momento de virada na sua história. Pode ser um evento, uma revelação ou uma decisão crucial que altera o curso dos planetas.


Enquanto bola essa história na sua cabeçota lavando o quintal, Desenvolva Personagens Cativantes: Não sai "queimando dinheiro" antes da hora. O que isso significa? Significa "Não sai logo entregando todos os pontos da história". Antes de introduzir o ponto de mudança, desenvolva personagens profundos e realistas. Seus leitores devem se importar com os personagens para que o impacto da mudança faça sentido. Se vocês tem poucos caracteres para isso, sejam objetivos e traga ao seu personagem características e uma personalidade que vá fazer diferença na hora que você anunciar a mudança. Moro?


Terceiro lugar, amigues, Crie uma Base Sólida: Estabeleça o cenário, o contexto e o conflito inicial da história. A velha tática de "preparar o terreno". Sem esse terreno preparado, dificilmente o ponto de mudança fará sentido dentro da narrativa.


Construa a Tensão: Use pequenos eventos, diálogos ou pistas para aumentar gradualmente a tensão. Deixe migalhas pelo caminho. Isso mantém os leitores engajados e fará com que o ponto de mudança seja mais impactante.


Não vai meter o loco, Introduza a Mudança de Forma Surpreendente, Mas Plausível: A virada deve ser inesperada, mas também lógica dentro do contexto da história. Não vai vacilar e jogar seu conto no lixo escrevendo reviravoltas que parecem forçadas ou desconectadas dos eventos anteriores.


Sexta dica é de ouro, Explore as Consequências: Lembrem-se de deixar espaço para falar sobre as consequências da mudança (a não ser que faça sentido você acabar o texto no exato momento da mudança). Mostre como a mudança afeta os personagens, o local e o enredo em geral. Conseguir adaptar e explorar as reações e adaptações dos personagens às novas circunstâncias vão ser cruciais para manter a história envolvente e encaminhar para um final épico.


Mantenha a Coerência: Apesar da mudança radical, a narrativa deve manter a coerência, amigues. Certifiquem-se de que as ações e decisões dos personagens continuam fiéis às suas personalidades e motivações estabelecidas.


Use o Ponto de Vista Adequado: Considere o impacto que o ponto de vista tem sobre o ponto de mudança. Um ponto de vista limitado do seu narrador pode aumentar o suspense, enquanto um narrador onisciente pode fornecer uma visão mais ampla das consequências.


Claro, né? Revise e Refine: Gente, isso é uma regrinha básica que tenho para mim (sigam se quiserem kkkk), mas, para apresentar um texto para o mundo aqui no site, ação contínua após escrever e finalizar o texto, é revisar cuidadosamente para garantir que fique bem diagramado, sem erros de português e, no caso de contos com uma reviravolta, refinar o ponto de mudança buscando com que ele fique o mais impactante e eficaz. Ajustem a construção da tensão e as consequências da virada para maximizar o impacto emocional.


E a última diquinha, também é velha de casa. Leiam Exemplos de Referência: Estudem contos de outros autores e autoras que utilizam mudanças radicais de forma eficaz. Analisar como eles constroem e executam essas reviravoltas pode fornecer inspiração e insights valiosos.


Então é isso, Parceiras, Parceiros e Parceires.


Digam o que acharam das dicas, se ajudaram vocês e até a próxima.



Pronta Para o Um Fim de Semana Muitcho Louco,

Milly Alves


I.A.

Quer ler mais?

Inscreva-se em ediadeescrever.com.br para continuar lendo esse post exclusivo.

0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Comentários

Não foi possível carregar comentários
Parece que houve um problema técnico. Tente reconectar ou atualizar a página.
bottom of page